25 de abril de 2008

O VELHO MENDIGO


Há muitas luas, um pobre e velho mendigo me parou na rua para me contar uma história de anjos e demônios, contou que ele era linha de frente de uma batalha espiritual e que por desatino e falta de atenção, ficou tentado a pender para o lado sombrio, até que certo dia caiu em tentação pelos braços suaves de uma mulher que lhe fizera sentir em seu corpo o céu e o inferno. Contou de como aquele ser gracioso lhe fizera esquecer seus problemas com seu corpo muito bem esculpido pelas mãos de Deus. Contou-me também que do mesmo modo que ela havia acertado seu coração como uma flecha de cupído, acertou-o com uma bala, pouco tempo depois de ter chegado em seu apartamento e ter descoberto que ela o havia saqueado.

Com uma lágrima nos olhos, o velho mendigo olhou para mim e disse:


- Esqueçamos isso. Moço, tem um trocado?



- Vinicius Neves
Postar um comentário