22 de abril de 2008

UM LUGAR PARA CHAMAR DE MEU



Se a vida fosse um mar de rosas, com certeza teria corais de espinhos.
Queria poder voar para longe, onde as nuvens da solidão não possam fazer sombra sobre mim, onde as tempestades de desespero não possam me molhar, onde o raiar da felicidade possa me aquecer. 
Voar... Voar sem ter asas. 
Um lugar onde nossos olhos habituais fossem cegos e os olhos do coração pudessem enxergar além do alcance. 
Um lugar para chamar de meu, onde minha alma fosse liberta das correntes da amargura. Deixar de degustar o desprezo e o sal de minhas lágrimas. 
Purificar meu coração dos pesadelos que o assolam.
Viver meus sonhos.
Viver por ti.
Te amar debaixo de uma árvore de carinho, ceiando contigo frutos de amor.
Um lugar onde não haja mais ninguém além de nós dois; onde eu possa ser seu e você possa ser minha para sempre.
Viveremos neste mundo, onde nada nos prenderá, e se algo tentar, o amor nos livrará.



- Vinicius Neves
Postar um comentário