17 de junho de 2016

PEDAÇOS COLADOS



Há em mim talvez mais cola que pedaços
Andarilho como qualquer outro que teve suas provações para ser o que é hoje
Feito de recordações histórias, sentimentos e receios

Mas em todos os caminhos que piso encontro sempre você ao meu lado

Em teu rosto que quero tocar
São suas mãos que quero segurar
Seus lábios que quero alcançar
Em seu abraço que quero fazer morada.

Quero a alegria de um fim de dia descansar em seu colo
Realizar contigo todos os sonhos pelos quais oro

Ser teu desejo
O destinatário de suas cartas
O motivo de alteração em sua respiração

Você é a única verdade que conheço
É o tesouro pelo qual almejo
A razão de todo o meu planejamento.

Sou teu cheiro na blusa que braça ao dormir
A calmaria em teus olhos quando repousa
O incendiar de suas decisões sobre o presente e futuro

Sou o motivo do seu tique nervoso antes de cada beijo
Dos sorrisos ao ver as fotos
Do aperto de saudade que insiste em não ir embora

Sou o amor das declarações inesperadas
A graça contida em cada risada
O descanso das expectativas
Te amar é afirmar que você é o presente de todos os meus dias.


- Vinicius Neves
Postar um comentário