18 de abril de 2017

ISSO PASSARÁ


Não me pare agora

Sou um pássaro voando no olho do furacão
Resistindo às tormentas sem encharcar minha atenção
Sou o foco e a mira dos tiros mais certeiros
Perdendo minhas metades, me encontrando por inteiro

Os avassaladores ventos do norte tentam me derrubar mas resisto com raízes fortes
Minha vitória se multiplica, não importando a quantidade de algozes
A areia que escorre da ampulheta mostra tudo o que pode ensinar
Não importa se o tempo é bom ou ruim, saiba que isso passará

Olhando para frente e saber que todo final é um novo recomeço
Olhar para trás e ver que as dificuldades não passavam de pequenos tropeços.


- Vinicius Neves

6 de abril de 2017

DE ASAS CORTADAS


Essas vozes do meu peito que não se calam

Remexem a cada memória, a cada momento
Transbordam da minha alma as ânsias de meu tormento
Os conflitos que tenho comigo mesma vão aos poucos tomando conta da minha paz
Presa nessa dança caótica da qual já não aguento mais

A luta dos meus sentimentos que se embaralham em crises de ansiedade
São milhares de vozes gritando cada uma sua própria verdade
Não procurem mais meus pensamentos, me esqueçam de suas ciladas
CALEM-SE e me deixem sumir no vazio do nada

Minha voz some na medida em que meu coração aperta
O choro insiste em chover por minhas janelas abertas
Nas noites em claro preencho o medo com esperança
Então vejo melhor aquilo que a vista ainda não alcança

Estou numa prisão ao ar livre, entende a ironia?
Mas não será sempre assim, eu acredito em minha alforria
Quando as vozes se calarem por trás de qualquer grade
Nesse momento então saberei onde está minha liberdade.


- Vinicius Neves